Levítico 13:29-44 (leia aqui)

Certas manchas, certas doenças de pele poderiam enganar. A pessoa enferma então era confinada por sete dias, depois examinada para se ter certeza se uma chaga de lepra estava ou não presente. Nunca julguemos apressadamente! Tenhamos o cuidado de pensar bem dos outros antes de lhes atribuir desde o início motivações erradas. “O amor… não se exaspera” (1 Coríntios 13:5). Observe que o enfermo não tinha dado sua opinião. Era o sacerdote que via e então declarava a natureza da chaga. O que o homem pensava de sua própria situação não importava. Ele talvez não sentisse nada e até acreditasse gozar da mais perfeita saúde, contudo estaria seriamente doente o tempo todo. Quantas pessoas não percebem que caíram vítimas da enfermidade do pecado. Elas jamais analisaram a própria situação à luz da Palavra de Deus; jamais se expuseram ao Sacerdote. Ele é o que estabelece a culpa do homem e o declara irremediavelmente perdido. “Afastai-vos, pois, do homem… Pois em que é ele estimado?” (Isaías 2:22). Mas o Sacerdote que declara a nossa condição é também o que fez dela a Sua preocupação em graça, como o Grande Médico, e nos deu a completa cura para nossa alma (Lucas 5:31).

Extraído do Guia Devocional do Antigo Testamento Vol 1

Confira aqui »

Editora DLC - literatura@terra.com.br

Leia também:

Todo dia com paz

Todo dia com paz

Pérolas diárias

Chamada.com.br - CNPJ: 92.898.188/0001-55 - Endereço: Rua Erechim, 978 - Porto alegre, RS - 90830-000



Novidades

Acompanhe-nos no twitter